Pato B - Jornal Online

Conteúdo

Enquete

PDF Print


Regional

O Consórcio Empreendedor Baixo Iguaçu, formado por Neoenergia e Copel, vai executar nesta quarta-feira (29), às 10h, uma importante etapa da engenharia de construção da Usina Hidrelétrica Baixo Iguaçu. É a operação de descida do rotor da primeira unidade geradora do empreendimento, que já alcança a fase final de implantação no Rio Iguaçu, entre os municípios de Capitão Leônidas Marques e Capanema.

O rotor tipo Kaplan pesa 131 toneladas, mas o conjunto todo a ser transportado, incluindo pás, tampas, eixo e mancal guia, alcança 435 toneladas. A sua colocação em definitivo no poço da unidade geradora requer precisão milimétrica. A operação deve durar entre duas e três horas. A função do rotor é converter a energia hidráulica da água armazenada em energia mecânica, que movimenta a turbina e depois gera eletricidade.

Mediante investimentos da ordem de R$ 1,6 bilhão e potência instalada de 350 MW, a Usina Hidrelétrica Baixo Iguaçu vai gerar energia para 1 milhão de pessoas a partir do segundo semestre de 2018. Terá um reservatório de pouco mais de 30 km² de superfície que também abrangerá os municípios de Realeza, Planalto e Nova Prata do Iguaçu. Ela está localizada a 30 km da Usina Governador José Richa (Salto Caxias).

 


 
Patob.com.br - Todos os direitos reservados