Pato B - Jornal Online

Conteúdo

Enquete

PDF Print


Neri Bocchese recebe no Legislativo Medalha de Honra ao Mérito

A Presidente da Academia de Letras e Artes de Pato Branco, Neri França Fornari Bocchese, recebeu na quinta-feira (10) Medalha de Honra ao Mérito. A solenidade para entrega da honraria foi realizada no Plenário do Legislativo e contou com a presença de familiares, amigos da homenageada, vereadores, vice-prefeito Robson Cantu (PSD), lideranças comunitárias e políticas e integrantes do Movimento dos Posseiros. Paralelamente ocorreu o lançamento do selo Revolta dos Posseiros.

A peça filatélica é composta pelos dizeres "Academia de Letras e Artes de Pato Branco-Revolta dos Posseiros-1957-2017 e da imagem estilizada representando uma família de posseiros da época". O lançamento foi realizado pelo superintende estadual dos Correios do Paraná, Paulo Kremer dos Santos.

Em nome de integrantes do movimento, usou a palavra Genésio Spindola, que na época da Revolta tinha dez anos. Ele disse que nessa revolução o povo foi o único vencedor. Também se pronunciou o vice-prefeito Cantu, quando enalteceu o Movimento dos Posseiros, ainda, a homenagem prestada pelo Legislativo a Neri Bocchese, a inciativa é do vereador Vilmar Maccari (PDT).

"Neri tem uma história na educação, 50 anos de profissão em sala de aula", registrou o vereador, para destacar que a trajetória da homenageada é marcada por sua bem sucedida liderança, tem participação ativa integrando entidades da sociedade civil organizada onde procura disseminar conhecimento e fomenta a importância do processo voluntariado. É autora de várias obras, projetos e participações em eventos, que somados resultaram em merecidas premiações.

"Como parlamentar, devo agradecer dizendo a todos os amigos, amigas e familiares da nossa homenageada, que esta homenagem a Neri é motivo de alegria e honra para todos nós, a ela, presto minha sincera admiração e meus parabéns", ressaltou Maccari.

Em pronunciamento, Neri recordou atuação em sala de aula, das ações que levaram e levam o nome do Município no país e no exterior. "Essa medalha não é para mim, mas para Pato Branco, pois os meus livros estão em todos os lugares", afirmou, pois na arte de escrever, de poetar, a gente leva o nome de Pato Branco. Sugeriu que, o Movimento a Revolta dos Posseiros integre o currículo das escolas. Concluiu o pronunciamento declamando uma poesia, um relato do movimento, movimento que tornou o Sudoeste uma região respeitada.

Síntese da trajetória da homenageada

Neri França Fornari Bocchese nasceu no Município de Arvorezinha, no Vale do Taquari, Estado do Rio Grande do Sul. Com sete anos de idade mudou-se para o Estado de Santa Catarina. Em 1960, transferiu-se para Pato Branco.

No ano de 1967, começou a lecionar em uma escola que era localizada no Bairro Industrial. Em seguida prestou concurso para o Estado e foi aprovada. Iniciou lecionando na Escola Professor Augustinho Pereira, onde atuou durante 26 anos e também em escolas para o Centro Federal de Educação Tecnológica. Trabalhou em escolas particulares, como o Colégio Nossa Senhora das Graças e na Funesp lecionando para o Ensino Médio. Trabalhou no Núcleo Regional de Educação, na coordenação de Geografia e Ensino Religioso, no Centro Estadual de Educação Básica para jovens e adultos.

Na Universidade Tecnológica Federal do Paraná, leciona nos cursos de Engenharia, na área de Ciências Humanas e doutrina, também para pós-graduação em Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica, na Modalidade de Educação Jovens e Adultos, Educação para Jovens e Adultos e Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica.

É formada em Geografia pela Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências, Letras União da Vitória, tem quatro cursos de especialização: Pedagogia Religiosa; Educação Especial; Educação Tecnológica e Mestrado em Ciências Sociais Aplicadas.

Detalhes da resolução

A Medalha de Honra ao Mérito Pato-branquense é atribuída a qualquer cidadão que tenha sido, ou seja, protagonista de relevantes serviços à comunidade pato-branquense. Os relevantes serviços são aqueles realizados além do cumprimento do dever, que revelem desprendimento e relevantes conquistas sociais à sociedade. A medalha de Honra ao Mérito Pato-branquense é cunhada em ouro, contendo o brasão do município, a legenda República Federativa do Brasil, Município de Pato Branco, Estado do Paraná, e no verso, a gravação da expressão "Honra ao Mérito".

Banner


 
Patob.com.br - Todos os direitos reservados